Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2011

Disciplina

Imagem
No livro que sobre si e o seu legado, o biógrafo de Nelson Mandela escreveu, conta-se como para Nelson Mandela toda a questão da disciplina é fundamental para si. Ontem, pela noite, fui a uma casa de fados. Sendo realmente um prazer assistir ao que de engraçado têm muitas figuras do fado, não se pode deixar de pensar - eu pensei-o - na imagem da falta de disciplina que muitas vezes emana daquelas figuras. Falta de disciplina pelo que bebem, pelo que fumam. O fado não é lugar para a síncope certa. Nas noites de boémia, Vinicius de Moraes e a sua trupe, animada em torno dele, rigozijava-se até altas horas, à luz fusca, entre copos e poesia, conversas e violas. Uma bondade inata ao artista, que esquecido do mundo, desistido do mundo, se volta para aquele recanto e aí se entrega em momentos de dádiva colectiva. Há evidentemente um plano maior: um plano maior feito de valentia que não se enebria debaixo do fumo e do álcool. Mas ao escrever, porque digo eu que é mais nobre aquele q

Coragem na política

Imagem
Para me entreter enquanto fazia horas para um jantar fui à Bertrand das Amoreiras e aí peguei num livro sobre Nelson Mandela. Trata-se dum livro escrito pelo biógrafo dele e que apresenta as lições que o mesmo considera ter recebido de Mandibba. Sempre apreciei ler livros de grandes figuras: Nelson Mandela é um homem que me tem fascinado desde há uns pelo menos bons 10 anos. O que mais aprecio nele é a sua nobreza, a sua nobreza de carácter e enorme dignidade. Uma das coisas que se diz no livro é que são poucos os homens maduros. Nelson Mandela é-o. A sua coragem, a força da sua consciência, que gritou internamente primeiro dentro dele e que o levou a intervir externamente - para grande prejuízo da sua tranquilidade e conforto - são marcas suas e que o distinguem como grande homem. Sai da prisão um homem maduro. Dominado. Domina os seus nervos, domina a sua impulsividade: é um homem que age norteado pela sua consciência, que comete poucos erros, que tem de si e guarda de si o