Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro, 2019

Coida o teu xardin

Imagem

Médicos e Advogados

Imagem
Ouvir um advogado da velha guarda é como ouvir o século XX, ou o século XIX, ou qualquer outra centúria ainda marcada pelas artes liberais. A figura clássica e em vias de extinção do advogado letrado é mesmo a nostálgica corporização do passado que está a desaparecer como a areia de uma ampulheta quebrada. Sim, em vias de extinção: o advogado clássico, homem de leis e letras, está para a sociedade como o lince está para a natureza. E esta rarefação do advogado é dramática para a sociedade, em primeiro lugar, e para os próprios advogados, em segundo lugar. Um jovem advogado que perceba apenas e só de leis está condenado, será um técnico de leis facilmente substituído pelo algoritmo. Para ser um advogado com uma compreensão da sociedade e do ser humano, o jovem amanuense das leis precisa de literatura, cinema, história, antropologia. E passa-se o mesmo com os médicos. Ainda há dias, ouvi um médico e professor de medicina dizer que é urgente recolocar as humanidades no centro do cu

Confiança Paciente

Imagem
Acima de tudo, confia no trabalho lento de Deus. Somos, naturalmente, muito impacientes em tudo para chegar ao fim sem demora. Gostaríamos de saltar os estágios intermediários. Ficamos impacientes por estarmos a caminho de algo desconhecido, algo novo. E, porém, a lei de todo o progresso diz que este é alcançado ao passarmos por alguns estágios de instabilidade - e que isso pode levar muito tempo. E, então, penso que o mesmo acontece contigo; as tuas idéias amadurecem gradualmente - deixa-as crescer, permite que tomem forma, sem pressa indevida. Não tentes forçá-las, como se tu pudesses ser, hoje, o que o tempo (ou seja, graça e circunstâncias, agindo em sua própria boa vontade) fará de ti, amanhã. Só Deus poderia dizer o que este novo espírito gradualmente a formar-se em ti, chegará a ser. Dá a nosso Senhor o benefício de acreditar que Sua mão está a guiar-te, e aceita a ansiedade de te sentires em suspenso e incompleto. P. Teilhard de Chardin